terça-feira, 1 de maio de 2012

Dinheiro pode transmitir doenças aos cobradores de ônibus

Os cobradores de ônibus durante o horário de trabalho estão sujeitos a se contaminar com toda sorte de doenças por causa do manuseio com notas de dinheiro e a não higienização das mãos.  

Segundo especialistas, as notas de dinheiro estão impregnadas de micro-organismos (fungos, bactérias e outros) e são boas fontes de transmissão de doenças que afetam a pele e os órgãos internos. 

A sugestão é que os cobradores de ônibus lavem as mãos o mais que puder com seu próprio sabão e se possível, usar álcool em gel após a lavagem das mãos, para minimizar as possíveis contaminações e suas consequências.


Texto e fotos do cobrador de ônibus "Gaúcho" da Metropolitana:
Maria Helena do Nascimento//Cidadã repórter


Cobrador de ônibus Gaúcho
Linha Lagoa Encantada da Metropolitana
O internauta e cobrador de ônibus Gaúcho incentivou a matéria e
posa para o Blog de Maria Helena Repórter